28 de junho de 2010

Todo joelho se dobrará e toda língua confessará que JESUS CRISTO É O SENHOR!!!

Fernanda Brum e Aline foram ao programa do Faustão....e exaltaram o nome de Jesus, isso é o que importa!!!









 Em Cristo,

25 de junho de 2010

"Podemos escolher o que semear
mais somos obrigados a colher o que plantamos"



Em Cristo,

Pense nisso.....

Em Cristo,
Graça Azevedo

Um pouco mais dos belos testemunhos do livro TORTURADOS POR AMOR A CRISTO

Dei meu testemunho perante o Sub-Comitê de Segurança Interna do Senado norte-americano. Ali descrevi coisas horríveis, tais como crentes amarrados em cruzes por quatro dias e quatro noites. A seguir eram as cruzes colocadas no chão e centenas de prisioneiros tinham de atender suas necessidades fisiológicas em cima dos rostos e dos corpos dos que estavam crucificados. Depois as cruzes eram de novo levantadas e os comunistas escarneciam: "Olhem para o Cristo de vocês! Que bonito ele é! E que fragrância traz dos céus!" Descrevi como, depois de ficar quase louco pelas torturas, um padre ortodoxo foi obrigado a consagrar fezes e urina humana para dar em comunhão aos cristãos. Isso aconteceu na prisão de Pitesti, na Romênia.
....
Isto é apenas uma pequena amostra do que aconteceu em um e mais domingos, na prisão de Pitesti.

....

Se eu continuasse a contar todos os horrores dos comunistas e sacrifícios pessoais dos crentes, nunca acabaria. Não apenas as torturas eram conhecidas. Os feitos heróicos também o eram. Os exemplos de heroísmo daqueles presos inspiraram grandemente os irmãos que ainda estavam livres.

Uma de nossas obreiras era uma jovem da igreja Subterrânea. A polícia comunista descobriu que ela distribuía literatura cristã e ensinava as crianças acerca de Cristo. Resolveram prendê-la. Mas para tornar essa prisão a mais agonizante e a mais dolorosa possível, resolveram adiá-la por mais algumas semanas, até o dia do casamento da jovem. Nesse dia lá estava ela vestida de noiva. O dia mais maravilhoso na vida de uma moça! De repente a porta foi empurrada e a Polícia Secreta invadiu.

Quando a noiva os viu, estendeu-lhes os braços para serem algemados. Mal haviam colocado as algemas nos pulsos, ela voltou os olhos para seu amado, depois beijou os grilhões e disse: "Agradeço ao meu Noivo Celestial estas jóias com que me presenteou no dia do meu casamento. Agradeço-lhe por ser digna de sofrer por Ele". Foi arrastada deixando para trás os crentes e seu noivo a chorar. Estes sabiam o que acontece a moças crentes nas mãos dos guardas comunistas. Depois de 5 anos foi libertada — uma mulher alquebrada e destruída, aparentando ter uns trinta anos. Seu noivo ainda a esperava. Ela afirmou que era o mínimo que poderia fazer por seu Cristo. Tão belos crentes se encontram na Igreja Subterrânea.

O que é Lavagem Cerebral

Ocidentais provavelmente já ouviram falar de lavagem cerebral na guerra da Coréia e agora no Vietnam. Eu próprio já passei por esse processo. É a mais horrível das torturas.
Por anos a fio tínhamos de nos sentar durante 17 horas, diariamente, escutando:

“O Comunismo é bom!”
“O Comunismo é bom!”
“O Comunismo é bom!”
“O Comunismo é bom!”
“O Cristianismo é uma estupidez!”
“O Cristianismo é uma estupidez!”
“O Cristianismo é uma estupidez!”
“Desista!”
“Desista!”
“Desista!”
“Desista!”
Durante 17 horas diariamente — por dias, semanas e meses a fio.

Vários crentes me perguntaram como pudemos resistir à lavagem cerebral. Há apenas um método de resistência a ela. É a "lavagem do coração" Se o coração estiver purificado pelo amor de Jesus Cristo e se O ama, pode-se resistir a toda e qualquer tortura. Que não faria uma noiva por seu noivo? Que não faria uma mãe por seu filho? Se você ama a Cristo, como Maria O amava, ela que o teve como criança em seus braços; se você, leitor, ama a Jesus, como uma noiva ao seu noivo, pode resistir a tais tormentos.

Deus nos julgará não de acordo com quanto pudemos suportar, mas de acordo com quanto pudemos amar. Sou testemunha dos crentes em prisões comunistas, de que eles puderam amar. Puderam amar a Deus e aos homens.

Os suplícios e brutalidades continuavam sem interrupção. Quando eu perdia os sentidos, ou ficava tão entorpecido para dar aos torturadores qualquer esperança de confissão, era conduzido à minha cela. Ali era atirado sem nenhuma consideração e quase morto para me reanimar um pouco, a fim de que pudessem voltar a trabalhar em mim. Muitos morreram nesse ponto, mas de alguma maneira minhas forças voltavam. Nos anos seguintes, em várias prisões, quebraram-me quatro vértebras e muitos outros ossos. Golpearam-me em uma dúzia de lugares. Recebi queimaduras no corpo e dezoito ferimentos penetrantes.

....

Minha segunda prisão foi, sob muitos aspectos, pior que a primeira. Sabia perfeitamente o que estava para vir. Minha condição física tornou-se péssima quase que imediatamente. Mas continuávamos o trabalho subterrâneo da Igreja Subterrânea nas prisões subterrâneas comunistas.

Fizemos um acordo — Nós pregávamos eles nos batiam!

Proibiram-me terminantemente de pregar a outros prisioneiros. Ficou entendido que quem fosse apanhado pregando, receberia uma tremenda surra. Vários de nós resolvemos pagar o preço do privilégio de pregar; portanto, aceitamos as condições deles. Era um acordo: nós pregávamos e eles nos batiam. Éramos felizes pregando. Estavam felizes em nos espancar. Por conseguinte, todos estavam felizes.

A cena que vou descrever repetiu-se mais vezes de quantas me é possível lembrar: um irmão estava pregando a outros presos quando os guardas repentinamente entraram, surpreendendo-o na metade de uma frase. Arrastaram-no pelo corredor até a "sala de surras". Depois do que parecia uma surra que não acabava mais, traziam-no de volta e o jogavam — moído e sangrento — no chão do cárcere. Vagarosamente se reanimava. Doloridamente ajeitava a roupa e dizia: "Agora, irmãos, em que ponto estava quando fui interrompido?" E continuava a sua mensagem do Evangelho.

Já presenciei coisas belas assim!
....

Quando nos era dada uma fatia de pão por semana e uma sopa nojenta por dia, resolvemos que até em tais circunstâncias daríamos fielmente o "dízimo". Cada décima semana tomávamos a fatia de pão e a dávamos a um irmão mais fraco, como nosso "dízimo" ao Senhor.


Um crente fora sentenciado à morte. Antes de ser executado foi-lhe permitido ver a esposa. Suas últimas palavras a ela foram: "Deves saber que morrerei amando aqueles que me matam. Não sabem o que fazem e meu último pedido a você é que os ame também. Não tenha ódio no coração por matarem seu amado. Nós nos encontraremos nos céus".

Estas palavras impressionaram o oficial da Polícia Secreta que estava presente à conversa entre os dois, o qual me contou a história na prisão, onde havia sido colocado por se haver tornado crente.

****
É por esse motivo que DEFENDO a igreja PERSEGUIDA
Pois levam o evangelho a sério, não  tendo a sua vida como preciosa,
o que mais importa é que muitos sejam alcançados.

Isto é evangelho...Isto é Cristianismo!

Esta é a fé que defendo.

Em Cristo,
Graça Azevedo

24 de junho de 2010

Moda: lenços - idéias encontradas na net


Em Cristo,
Graça Azevedo

Torturados por amor a Cristo...

Estarei relatando alguns testemunhos LINDOS...do livro TORTURADOS POR AMOR A CRISTO - Richard Wurmbrand...


Um padre da Igreja Ortodoxa, muito amigo meu, telefonou-me e contou-me que um oficial russo o havia procurado para se confessar. Meu amigo, porém, não conhecia a língua russa. Sabendo que eu falava esse idioma, deu meu endereço ao oficial. No dia seguinte, ele veio ao meu encontro. Amava a Deus e O buscava, mas nunca havia visto uma Bíblia. Nunca assistira a trabalhos religiosos. (Igrejas na Rússia são muito raras). Não tivera nenhuma educação religiosa, porém amava a Deus sem ter o menor conhecimento dEle.


Comecei a ler para ele o Sermão da Montanha e as parábolas de Jesus. Depois de ouvi-las dançou ao redor da sala com grande alegria, exclamando: "Que beleza maravilhosa! Como é que eu poderia viver sem conhecer este Cristo!" Foi a primeira vez que vi uma pessoa tão arrebatada de alegria no Senhor.

Prosseguindo, cometi um erro. Li para ele a narrativa da Paixão e da Crucificação de Jesus, sem tê-lo ainda preparado para tanto. Ele não esperava, e quando ouviu do sofrimento de Cristo, como foi crucificado e finalmente morreu, caiu em uma poltrona e começou a chorar amargamente. Havia crido em um Salvador e agora este estava morto.

Olhei para aquele homem e fiquei envergonhado por me haver chamado de Crente e Pastor, mestre do rebanho e nunca haver partilhado dos sofrimentos de Cristo, como este oficial russo agora fazia. Ao vê-lo, senti como se estivesse a ver Maria Madalena chorando ao pé da cruz, e mesmo quando Cristo já era cadáver no túmulo.

Então li a história da Ressurreição. Ele não sabia que Cristo havia ressuscitado dos mortos. Quando ouviu tão maravilhosas novas, bateu em seus joelhos e proferiu palavras não muito dignas, porém, eu as considerei de grande valor, pois esta era a sua rude ma¬neira de se expressar! Mais uma vez se alegrou. Gritou de alegria: "Ele está vivo!". Novamente dançou ao re¬dor da sala, transbordante de alegria.

Disse-lhe: "Oremos!" Ele não sabia como orar. Não sabia as nossas frases sagradas. Ajoelhamo-nos e suas palavras foram: "Oh Deus, que camaradão Tu és! Se eu fora Tu e Tu fosses eu, nunca Te perdoaria os Teus pecados. Porém Tu és realmente um camaradão! Eu Te amo de todo o meu coração".

Penso que todos os anjos nos céus pararam para ouvir esta sublime oração de um oficial russo. O homem havia sido vencido por Cristo!

Que coisa mais linda...a simplicidade do evangelho!!!

Em Cristo,
Graça Azevedo

Mais idéias retiradas da net - dia dos pais

23 de junho de 2010

Momento rosa...rs

Em Cristo,
Graça Azevedo

Gosto de conversar mas prefiro o SILÊNCIO...por quê???

"Você jamais terá de explicar alguma coisa que não disse."

"Falar é prata, mas o silêncio vale ouro."

"Uma pessoa madura reflete antes de falar; um tolo fala, e então reflete sobre aquilo que disse."

"Mesmo um tolo, quando segura a língua, é considerado sábio."

"Para tudo há um tempo, e um tempo para cada propósito sob os céus... um tempo de manter o silêncio, e um tempo de falar."

"Fale pouco e faça muito."

"Uma cerca para a sabedoria é o silêncio."

"Silêncio é bom para todas as aflições."

“O Silêncio é o mais eloqüente dos discursos”

"Silêncio é bom para o sábio; e muito mais o é para o tolo."

"Quanto menos a pessoa fala, menos erra."

“Um tolo diz aquilo que sabe; um sábio sabe aquilo que diz."

"Há pessoas que tem alguma coisa a dizer, e há pessoas que têm de dizer alguma coisa."

“Um Tolo calado torna-se sábio”

"A voz do tolo é conhecida por uma profusão de palavras."

Um bom dia de reflexão....

Em Cristo,
Graça Azevedo

Deixe a raiva secar

Mariana ficou toda feliz porque ganhou de presente um joguinho de chá, todo azulzinho, com bolinhas amarelas. No dia seguinte, Julia sua amiguinha, veio bem cedo convida-la para brincar.

Mariana não podia porque ia sair com sua mãe naquela manha. Julia, então, pediu a coleguinha que lhe emprestasse o seu conjuntinho de chá para que ela pudesse brincar sozinha na garagem do prédio.

Mariana não queria emprestar, mas, com a insistência da amiga, resolveu ceder, fazendo questão de demonstrar todo o seu ciúme pôr aquele brinquedo tão especial.

Ao regressar do passeio, Mariana ficou chocada ao ver o seu conjuntinho de chá jogado no chão. Faltavam algumas xícaras e a bandejinha estava toda quebrada.

Chorando e muito nervosa, Mariana desabafou:
- Está vendo, mamãe, o que a Julia fez comigo? Emprestei o meu brinquedo, ela estragou tudo e ainda deixou jogado no chão.

Totalmente descontrolada, Mariana queria, porque queria, ir ao apartamento de Julia pedir explicações. Mas a mamãe, com muito carinho, ponderou:

- Filhinha, lembra daquele dia quando você saiu com seu vestido novo todo branquinho e um carro, passando, jogou lama em sua roupa?

Ao chegar a sua casa você queria lavar imediatamente aquela sujeira, mas a vovó não deixou.

Você lembra do que a vovó falou? Ela falou que era para deixar o barro secar primeiro. Depois ficava mais fácil limpar. Pois é, minha filha! Com a raiva e a mesma coisa.

Deixa a raiva secar primeiro. Depois fica bem mais fácil resolver tudo. Mariana não entendeu muito bem, mas resolveu ir para a sala ver televisão.

Logo depois alguém tocou a campainha. Era Julia, toda sem graça, com um embrulho na mão. Sem que houvesse tempo para qualquer pergunta, ela foi falando:

- Mariana, sabe aquele menino mau da outra rua que fica correndo atrás da gente?

Ele veio querendo brincar comigo e eu não deixei. Ai ele ficou bravo e estragou o brinquedo que você havia me emprestado. Quando eu contei para a mamãe ela ficou preocupada e foi correndo comprar outro brinquedo igualzinho para você. Espero que você não fique com raiva de mim. Não foi minha culpa.

- Não tem problema, disse Mariana, minha raiva ja secou.

E, tomando a sua coleguinha pela mão, levou-a para o quarto para contar historia do vestido novo que havia sujado de barro.

créditos: otimismo na rede

Em Cristo,
Graça Azevedo

22 de junho de 2010

A seguinte imagem comoverá seu coração

Recebi por email.....

 "A Doberman está grávida. O bombeiro acaba de salvá-la de um incêndio em sua casa,lhe salvou e colocou-a no jardim, e logo continuou sua luta contra o fogo.

Quando finalmente conseguiu apagar o fogo, se sentou para tomar um pouco de ar e descansar.

Um fotógrafo do jornal Notícias da Carolina do Norte/EUA, notou que a cadela observava a distancia o bombeiro.

Veio a Doberman caminhou direto até o bombeiro e se perguntou o que ela vai fazer?

Asim que levantou sua câmera, o animal chegou até o homem cansado que acabara de salvar a sua vida e de seus bebês.

O fotógrafo captou o momento exato em que a cadela beijou o bombeiro. "




POUCOS DE NÓS HUMANOS, TEMOS O GESTO NOBRE DE AGRADECER A QUEM NOS FAZ O BEM. ESSA FOTO NOS MOSTRA QUE ATÉ AS OUTRAS ESPÉCIES ANIMAIS TEM O SENTIDO DA GRATIDÃO.

Como somos ingratos....Senhor!!!

Em Cristo,
Graça Azevedo

Algumas idéias da net - Dia dos pais

COMO ENCONTRAR UM CÔNJUGE - PR. JOSUÉ GONÇALVES

A maioria de nós cresceu ouvindo historias de suspense ou lendo romances, em que o príncipe encantado levava a moçinha pobre embora no seu cavalo, e eles viveram uma vida longa e feliz. Mas na vida real isso não acontece, e há milhares de pessoas solitárias. Como podemos achar um cônjuge?

Aqui seguem algumas sugestões que podem ser útil a você nessa busca.

1. Coloque a sua vida por completao nas mãos do Senhor através de uma oração consciente (Sl 37.4). Faça o Senhor Jesus não somente o seu Salvador, mas também o Senhor (dono) da sua vida.

2. Reflita em como você poderá crescer espiritualmente. Seu crescimento e maturidade espiritual são essenciais, independentemente se você se casar ou não. Maturidade espiritual também ajudará você a receber a direção de Deus neste assunto tão importante. Caráter de Cristo - fruto do Espírito (Gl 5.22,23).

3. Esqueça o "príncipe encantado" e busque alguém de acordo com a vontade de Deus para a sua vida (Rm 12.2; Mt 6. 9,10; Ef 5.17; 1 Jo 2.17). Às vezes os nossos sonhos podem ser de Deus, mas na maioria das vezes são resultados de ter filmes ou romances lidos em excesso. Aprenda a diferença entre atração física e amor verdadeiro, que realisticamente aceita o parceiro como ele é.

Em muitos países existem serviços de intermediação entre homens e mulheres, que desejam se casar. Muitas vezes trabalham através de análises por computador. Você preenche um formulário com seus dados, e o computador procura a pessoa indicada para você, com gostos e características idênticas. Neste caso, duas pessoas que se parecem, estão sendo aproximadas. Se as duas são irados, poderão ter brigas fortes com pratos voando pela cozinha! Na verdade, se Deus aproxima duas pessoas, estas até poderão ter algumas características idênticas. Porém, muitas vezes bem diferentes. Uma pode ser introvertida e tranqüila, a outra extrovertida e exuberante. Deus deseja que nós nos completemos, e mutuamente auxiliamos. Não é necessário que sejamos iguais.

4. Decida nunca se casar ou mesmo sair com um(a) eventual candidato(a) que não seja cristã(o) Amós 3.3; 2 Co 6.14-18; Gn 24.2,3). A Bíblia nos indica que não devemos entrar em jugo desigual com um incrédulo, porque entre luz e trevas não pode haver comunhão.

5. Comece a orar por um cônjuge, e agradecer a Deus por aquele(a) que Ele tem para você (Sl 37.4). Creia que Ele ouvirá a sua oração, e irá unir vocês. Lembre-se, que Deus não é limitado à sua igreja ou círculo de vivência. Ele poderá se isso for da vontade d'Ele, até trazer uma pessoa do outro lado do mundo para você.

6. Não diga: o que um cônjuge poderá me oferecer? Mas diga: o que EU tenho para oferecer ao meu futuro cônjuge? (Ec 4.9-11) Se você desejar que o seu futuro cônjuge tenha determinadas qualidades, você mesmo tem que desenvolver essas qualidades na sua vida. Aprenda a arte de conversar com as pessoas, se interessando por elas, e de amá-las. Homens e mulheres são atraídos à pessoas que amam e que se interessam pela vida dos outros, que tem personalidades amáveis. Pare de pensar somente em você e nos seus interesses e começa e se interessar por aquilo que tem a ver com outras pessoas.

7. Preencha os anos que você passa sozinho(a) com coisas construtivas (Pv 18.24; 1 Co 15.33). Apóie a sua igreja, doe tempo a Deus e aos outros. Talvez você poderá passar algum tempo fora do país, para ajudar em missões; começa ter um hobby ou faça um curso, para ter uma escolarização melhor, ou faça um curso num seminário.

8. Busque equilíbrio interior e fique livre de complexos e obsessões, antes que você se case. Todos nós precisamos de cura em algumas áreas das nossas vidas. Se duas pessoas entrarem no casamento com um saco de problemas nas costas, somara dois sacos!

9. Muitos cristãos não cuidam da sua aparência, pensando que somente a beleza interior é importante (Ex. Rebeca e José do Egito Gn 24). Poucos de nós tem um rosto ou um corpo perfeito, mas cada pessoa pode ser atraente, se esta se cuidar. Conselho para as moças: experimente um corte de cabelo diferente, ou um estilo de roupas diferente. Se você é obeso(a) aprenda a se alimentar de forma equilibrada, faça exercícios físicos, tome dois litros de água por dia. Se você cuidar do seu físico, você terá mais auto-confiança. Porém, há o excesso inverso também: homens e mulheres obcecados em cuidar do físico, roupas e dietas. Seja moderado. Moça, não pense, que através do seu estilo sensual de se vestir você atrairá o príncipe encantado. Homens cristãos, que levam a sua vida com Deus e sua pureza a sério, vêem na moça sensual uma tentação, porque pensam que ela se oferece para aventuras sexuais. Eles, portanto fugirão de uma moça vestida e comportando-se de forma sensual.

10. Ore, para que Deus lhe mostre qual é o plano dele para a sua vida. Talvez Ele tenha um ministério ou uma direção especial para você. Você somente poderá achar o melhor de Deus para você, se você trilhar o caminho que Ele lhe indicar. Uma moça foi à Africa para fazer um trabalho missionário entre uma tribo. Durante muitos anos ela era a única estrangeira na tribo e na região. Quando um homen sueco visitou o posto missionário, o Senhor lhe falou que este homem seria seu marido. Ela era bastante sábia e espiritual para não se manifestar a respeito. Depois de um tempo, ele a pediu em casamento. A obediência com qual ela seguiu o caminho do Senhor deram a ela um grande presente: um marido que trabalharia ao lado dela.

11. Moça, aprenda a cozinhar, decorar, costurar... Prepare-se de maneira pratica para o casamento.

12. Evite situações na qual você, sentindo-se solitário, poderá ser tentado a ceder a ter um relacionamento sexual. Isso poderá acontecer quando alguém lhe oferecer uma carona do serviço para casa; não convide uma pessoa do sexo oposto sozinha para a sua casa ou apartamento; não peça aconselhamento de uma pessoa do sexo oposto sozinho. Se você necessitar de aconselhamento ou oração, procure uma alguém do mesmo sexo, ou marca com seu pastor e a esposa dele. (Pv 13.16; 14.35; 17.2; 22.3)

13. Muitas pessoas se casam porque receberam uma profecia ou palavra de conhecimento, que tal pessoa era para elas. Isso é perigoso e as vezes irresponsável. Os dons do Espírito podem confirmar um amor, mas somente quando Deus já nos mostrou pessoalmente que o relacionamento era da vontade d'Ele. Se não existir amor entre as duas pessoas, deve-se descartar essa "profecia".

14. Em alguns casos, Deus poderá ter um ministério para uma pessoa que poderá ser melhor executado se a pessoa permanecer solteira - durante uma fase da sua vida ou durante toda a sua vida. Se você tem a impressão que Deus pedirá a você esse sacrifício, você poderá pedir que Ele faça cessar o desejo de casar em você, e que lhe dê o "dom de ficar solteiro", de não sentir necessidade de um relacionamento sexual. Tenha a certeza que você será mais feliz, solteiro(a), realizando o plano de Deus na sua vida, do que casado(a) fora da vontade de Deus.

Fonte: site do Pr. Josué Gonçalves

Em Cristo,
Graça Azevedo

19 de junho de 2010

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Filme: Uma razão para cantar